Salão Imobiliário em São Paulo registra R$ 300 mil em financiamentos



  

Nos quatro dias do Salão Imobiliário São Paulo, finalizado no último final de semana, a totalização monetária concedida em financiamentos para o setor girou em torno de mais de R$ 300 milhões. O evento, que atraiu mais de 60 mil pessoas ao Parque de Exposições do Anhembi, provou a consolidação da retomada de atividades econômicas no país, segundo Eduardo Sanovicz, organizador da feira.





Em detrimento à última edição do Salão Imobiliário, a presença dos ditos imóveis populares foi o principal atrativo, bem como a principal diferença. Dentre as 100 mil moradias à venda, quase 50% se enquadraram no programa denominado “Minha Casa, Minha Vida”, que beneficia pessoas interessadas em adquirir imóveis novos de até R$ 130 mil.

Em dados gerais, esse novo aspecto de renda pondera os financiamentos concedidos pela Caixa Econômica Federal. Para se ter uma idéia, até a tarde do último domingo, a instituição acertou R$ 145 milhões para mais de mil pessoas. Desse montante, R$ 83 milhões foram direcionados a residências do referido programa.

Por Luiz Felipe T. Erdei


Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *