O compromisso dos empresários com investimentos pelo Brasil segue em alta. Após meses de expansão do setor imobiliário, empresas almejam solidificar suas atividades por aqui de várias maneiras. A mais recente notícia, que interessa diretamente aos trabalhadores da construção civil, provém da francesa Carrefour.

A rede, com 114 lojas no Brasil, quer, em sociedade com construtoras, edificar shoppings e prédios comerciais no mesmo local em que seus hipermercados estão instalados. Em princípio, 70 imóveis apresentam bom potencial para projetos dessa magnitude.

A conversa não deve ficar apenas na ideia. Até o final de 2011, a Carrefour realizará dois projetos-pilotos em São Paulo. Nos próximos dias, funcionários da Carrefour Property devem chegar ao Brasil para determinar alguns detalhes do intento. Embora seja uma novidade como já dito, idealização semelhante ocorreu em 2009 com o Grupo Pão de Açúcar.

Os empresários precisam estar alerta, pois o crescimento do setor imobiliário, mesmo de maneira vertical e com aproveitamento de empreendimentos anteriores, deverá esvaziar os terrenos nas regiões metropolitanas. As periferias dos grandes centros e o interior de cidades referenciais devem ser olhados com mais atenção, muito mais do que já é feito.

Por Luiz Felipe T. Erdei





CONTINUE NAVEGANDO: