É possível comprar um imóvel usando Criptomoedas?


A ascensão das criptomoedas no setor imobiliário

As criptomoedas já estão sendo aceitas em diversos locais como forma de pagamento e a tendência é que isso fique cada vez mais comum, até mesmo no mercado imobiliário


As criptomoedas já existem há alguns anos, porém, apenas pouco antes da pandemia começaram a ser faladas com mais frequência.


Entre elas, as duas mais famosas são o Bitcoin (BTC) e a Etherium (ETH). Ambas vem caindo no gosto dos investidores, que puderam visualizar uma grande valorização ao longo dos últimos anos.


A boa notícia é que agora as criptomoedas já estão sendo aceitas como forma de pagamento por serviços e até mesmo no comércio, e a tendência é que isso fique cada vez mais comum.


No ramo de imóveis isso também está virando realidade. As criptomoedas têm sido usadas com cada vez mais frequência em transações imobiliárias de várias maneiras, seja para compra/venda ou aluguel de imóveis.

Em São Paulo, por exemplo, uma incorporadora começou a vender imóveis com a possibilidade de pagamento em criptomoedas. A ideia está em facilitar o acesso dos investidores de criptomoedas a oportunidades de fechar negócios e investir em um outros ativos.

Especialmente em um período nebuloso na economia mundial, o investimento em criptomoedas pode ser uma proteção contra os efeitos da inflação e instabilidades políticas e econômicas. E com a possibilidade da negociação de imóveis com criptomoedas faz com que os investidores tenham ainda mais propensão a manter criptos em caixa, ao invés de manter reais (R$) ou dólares (US$).

Esta parece ser uma tendência crescente, já que muitos têm desfrutado de grandes ganhos em criptomoedas e estão procurando uma maneira de equilibrar isso e preservar seus ganhos convertendo-os em ativos imobiliários tangíveis.

Leia também:  Vendas de imóveis usados cairam 32,81% em dezembro, no estado de SP

As vantagens usar criptomoedas em bens imóveis:

– Privacidade na cons dempra de imóveis;
– Facilidade em transações internacionais;
– Redução do custo das transações imobiliárias.

Os perigos de se envolver com as criptomoedas:

– Perdas devidas a hackers;
– Nenhum proteção contra danos e garantias;
– Pessoas de má fé ou negociadores sem experiência no setor imobiliário;
– Hiper volatilidade;
– Risco de novas regulamentações.

Há também quem use as criptomoedas para levar vantagem financeira, ao evitar ou reduzir os impostos sobre ganhos de capital. Certamente esta é uma seara que a Receita Federal do Brasil deve observar com atenção, de modo a coibir a sonegação de impostos.

E você? Usaria criptomoedas para negociar um imóvel?



Próximo Post

Não há mais posts

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.