Preço médio do metro quadrado dos imóveis registrou queda real de 4,45% no 1º semestre de 2015.

De acordo com o Índice FipeZap, o preço médio do metro quadrado dos imóveis apresentou queda no primeiro semestre do ano. Segundo o índice, a queda de janeiro a junho foi de 4,45%.

A queda real ocorre quando a alta no preço médio de um imóvel está abaixo da alta generalizada de preços que é medida através de índices inflacionários, como o IPCA.   

No primeiro semestre, os preços dos imóveis sofreram uma alta de 1,38%, variação que está bem abaixo da inflação no período, que é de 6,10%, segundo o IBGE. No acumulado dos últimos 12 meses, encerrados no mês de junho, os valores subiram 4,52%, bem abaixo dos 8,82% do IPCA para o período.  O índice também apresenta, pela oitava vez consecutiva, queda real na variação de preços mensal. A expectativa é que o IPCA tenha alta de 0,72% para o mês, enquanto o metro quadrado fica em 0,13%.    

Quando analisadas as cidades, no acumulado de 2015, apenas a cidade de Florianópolis, entre as 20 analisadas, obteve o preço dos imóveis acima da inflação. As outras 19 cidades registraram variações menores do que a inflação. Brasília, Curitiba e Niterói tiveram uma queda nos preços no primeiro semestre de 2015.

Entre as cidades analisadas, o Rio de Janeiro continua registrando o metro quadrado com o valor mais alto.   

Confira a cidade e o preço médio do metro quadrado (em reais):

– Rio de Janeiro – 10.643; 

– São Paulo – 8.593; 

– Brasília – 7.969; 

– Niterói – 7.684; 

– Média Nacional – 7.608; 

– Florianópolis – 6.178; 

– Recife – 6.018; 

– Belo Horizonte – 5.914; 

– São Caetano do Sul – 5.701; 

– Fortaleza – 5.681; 

– Porto Alegre – 5.405; 

– Campinas – 5.258; 

– Vitória – 5.229; 

– Curitiba – 5.161; 

– Santo André – 4.999; 

– Santos – 4.900; 

– São Bernardo do Campo – 4.709; 

– Salvador – 4.639; 

– Vila Velha – 4.254; 

– Goiânia – 4.162; 

– Contagem – 3.550.

O indicador elaborado pela Fipe (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas) em parceria com o site Zap Imóveis, analisa os preços do metro quadrado dos imóveis que são anunciados no ambiente online, que totalizam mais de 290 mil por mês. Outros dados de anúncios online também são utilizados para elaborar o indicador.

Por William Nascimento

Preços dos imóveis





CONTINUE NAVEGANDO: